Atenção gestores: inscrevam suas escolas na V Mostra Criativa de Cultura e Arte Negra

18 de Maio de 2018 - Jornalismo

Estão abertas as inscrições para as escolas municipais interessadas em participar da V Mostra Criativa de Cultura e Arte Negra. A atividade, que conta com o apoio do Conselho Municipal da Educação (CME), traz o tema “Cantos, recantos e encantos negros de Salvador” e será desenvolvida, durante todo o ano, nas unidades escolares. Serão reunidos trabalhos artísticos e projetos inspirados nas leis 10.639/03 e 11.645/08, que determinam a obrigatoriedade do ensino das histórias e culturas africanas, afro-brasileira e indígena no currículo escolar.

Os representantes das unidades escolares de Rede Municipal de Educação podem fazer as inscrições nas categorias literatura, fotografia, dança, teatro e música, mas é preciso ficar atento, pois cada área tem um prazo estabelecido para inscrição: música até 30 de maio, literatura e fotografia até 4 de junho, dança e teatro até 13 de julho. Os trabalhos serão selecionados pela comissão julgadora entre os dias 11 de junho e 30 de agosto e o resultado será publicado no site da Secretaria Municipal de Educação (Smed).

Os trabalhos de fotografia que forem escolhidos irão compor uma exposição fotográfica, que será organizada entre 26 de junho e 30 de agosto e poderá ser visitada de 31 de agosto a 30 de setembro. Já em 17 de outubro, será lançada a Revista Literária, reunindo os trabalhos desta categoria, escolhidos pela comissão julgadora, no Espaço Cultural da Barroquinha, inclusive com tarde de autógrafo dos autores.

Os selecionados nas categorias dança, teatro e música terão entre os dias 20 de outubro e 5 de novembro para realizarem os ensaios com os estudantes que irão se apresentar no dia 6 de novembro, no Teatro Castro Alves (TCA).

A V Mostra Criativa de Cultura e Arte Negra foi lançada pela Prefeitura no último dis 25, no Subúrbio 360, no bairro de Coutos, nas presenças dos titulares das secretarias municipais da Reparação (Semur), Ivete Sacramento, e da Educação (Smed), Bruno Barral, além do presidente da Fundação Gregório de Mattos (FGM), Fernando Guerreiro, alunos e professores da instituição de ensino.

Para mais detalhes sobre as inscrições, clique aqui.

Lista de sugestões de localidades representativas da história afro-brasileira em Salvador.