pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Aulas multimídia estimulam professores e alunos

20 de mar de 2007 - dev

Luiza Torres

Que tal aprender português, matemática, ciências, história e geografia através de animações, simulações e jogos tecnológicos? Isto já é possível em cerca de 150 escolas da rede municipal de ensino de Salvador, através da implantação de um Centro de Produção de Aulas Multimídia. O programa é uma parceria da Secretaria Municipal da Educação e Cultura (SMEC) com a empresa SCA Educandus, responsável pela produção de conteúdos multimídia em CD-ROM e WEB.

O objetivo do software educacional é melhorar a qualidade de ensino com o uso da tecnologia, dando eficiência ao planejamento e elaboração de aulas. O aprendizado será nas diferentes áreas do conhecimento, que permita a utilização imediata da tecnologia educacional no processo ensino-aprendizagem. No total, serão 32 aulas para as classes da 1ª a 4ª série e 40 para 5ª a 8ª.

A vice-diretora da Escola Municipal Olga Figueiredo, Maria Conceição Guimarães, acredita que as aulas multimídia se tornarão um grande estímulo para os estudantes se interessarem por disciplinas, como matemática e português. “Eles são fascinados por tudo que tenha relação com informática. Por isso, tenho certeza que o aprendizado para eles será mais agradável e interessante”, concluiu. As aulas multimídia na Olga Figueiredo serão iniciadas a partir do dia 26 de março.

Porém, não apenas os alunos ficam entusiasmados com a nova ferramenta, os professores também se deslumbram com o novo equipamento pedagógico, é o que garante a Coordenadora de Tecnologia da SMEC, Eliana Marback. Ela explica que durante as atividades, os docentes podem enriquecer o conteúdo didático através da interface gráfica que tem uma grande facilidade de aplicação. “As aulas permitem a integração do ensino e aprendizagem às novas mídias, tornando os assuntos mais fáceis e melhorando o desempenho dos alunos”, ressalta.

O software não se limita apenas aos planos pedagógicos e a aplicação das aulas. No sistema, os educadores podem incluir observações, notas, imagens ou vídeos, comentários, animações, simulações, exercícios e avaliações. A ferramenta possibilita também a comunicação dos alunos com os professores através de ícones.

Para o secretário municipal de Educação e Cultura, Ney Campello, a tecnologia é uma ferramenta importante para o desenvolvimento educacional dos estudantes da rede pública de ensino, porque estimula a criatividade e o raciocínio lógico. “Estas ações mostram como a administração de Participação Popular se preocupa em oferecer aos cidadãos soteropolitanos uma educação pública de qualidade”, afirma.

Para que os docentes possam utilizar o Centro de Produção de Aulas Multimídia, a SMEC realizará em abril a formação continuada de 80 professores de tecnologia e mil professores de sala de aula. Na capacitação, os educadores irão aprender a publicar textos e a customizar o ambiente Web. As aulas multimídias nas 150 escolas que já tiveram o programa implantado estão previstas para o dia 15 de abril, mas as unidades podem iniciar o ensino antes mesmo desta data.