pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Centro de Educação Infantil em Águas Claras passará por intervenções

22 de out de 2012 - dev

Diante da necessidade de reconstrução do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Cantinho da Criança, em Águas Claras, e da impossibilidade da obra, por falta de recurso, o secretário municipal da Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secult), João Carlos Bacelar, acompanhado de técnicos da Secult, visitou a escola nesta segunda-feira (22) em busca da melhor solução para recuperar a unidade escolar.

No encontro ficou decidido que o CMEI passará imediatamente por uma manutenção na parte elétrica e sanitária e que será feita a retirada de uma árvore no local para que o entupimento dos canos, causado pelas folhas que caem da árvore, seja sanado. A escola foi construída no padrão Desal (pré-moldada) há 23 anos. O estilo da construção, aliado a ausência de manutenção, impossibilitou a realização de uma reforma, restando apenas a opção de intervenções paliativas.

Para Bacelar, a melhor opção seria a reconstrução do CMEI, mas como a prefeitura não dispõe de recurso, a solução de imediato é a transferência da unidade escolar para um imóvel alugado. “Os técnicos da Secult vão procurar um imóvel na região para que no início do ano de 2013 o local já esteja pronto”, afirmou Bacelar.

PLANO DE REESTRUTURAÇÃO – Atualmente, 74 escolas passam por reformas na rede municipal. Além disso, 5 unidades que eram do padrão Desal estão sendo reconstruídas e uma nova escola, no bairro do Trobogy, está pronta para ser entregue a comunidade. As obras são realizadas por meio do plano implantado pela Secult em 2011 e que já promoveu a reforma de 129 escolas.

Em maio deste ano, a Secult intensificou a ação e assinou a ordem de serviço para recuperação de mais 138 escolas. “Sabemos do transtorno que é realizar reforma no meio do ano letivo, mas o esforço é necessário para que no início do próximo ano todas as escolas estejam em condições adequadas para aumentar a autoestima de professores e alunos, que vão estudar e trabalhar em locais adequados, o que contribui para melhoria da qualidade do ensino”, destacou o secretário.