pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Maratona do Clube da leitura e Aluno Leitor incentivou alunos da escola Municipal Julieta Viana, a ter mais contato com os livros.

22 de dez de 2017 - Publicidade

Foi realizada na quinta-feira (14), a cerimônia de certificação dos alunos da escola Municipal Julieta Viana, situado na Caixa D`Água que participaram da Maratona do Clube da Leitura e Aluno Leitor da escola. Esse estímulo dos professores aumentou a procura diária dos alunos pelos livros.

O projeto que teve início no final de agosto com as observações das professoras em sala de aula foi aceito de forma positiva pelos alunos, pais e colaboradores da instituição. Os professores perceberam que os alunos se interessavam mais e mais pelas histórias contadas e queriam folhear o livro para entender melhor o que estava sendo lido. Com isso, a professora Virgínia Coutinho, teve a idea de criar o projeto lançando para os pequenos um desafio que foi logo abraçada por todos.

“As crianças ficaram felizes ao saber que poderiam levar os livros para casa e, além disso, iriam participar de uma maratona de leitura onde aquele aluno que lesse mais de 10 livros durante o período letivo ganharia um bótom como aluno leitor para que todos na escola, em casa ou em qualquer lugar que fossem pudessem admirá-los e juntamente com o bótom apresentar também uma carteirinha de leitura, isso incentivou os alunos a terem uma procura maior na biblioteca pelos livros ofertados. Foi muito gratificante”, disse Virgínia.

As professoras também pediram apoio aos pais dos alunos para que eles deixassem os pequenos a terem mais autonomia durante a leitura, que incentivassem em casa sem interferir e com isso eles pudesse contar às histórias da forma que compreenderam. De pronto os pais entenderam a solicitação e durante as reuniões relataram o quanto perceberam o desenvolvimento da leitura e da linguagem oral dos filhos porque cada vez mais eles foram ampliando o vocabulário e até lendo as historinhas para a família.

“Ver os alunos contando as histórias, entusiasmados, sorrindo, com riquezas de detalhes, é muito gratificante, a cada aula eles demostram mais interesse em levar o livro ou ler na própria escola, teve aluno que fez questão de ler durante o recreio, trocando a hora da brincadeira pela leitura, uma aluna sempre me dizia: Pró posso escolher um livro na Biblioteca para ler no recreio? A mãe contou que ela agora já lê os livros do irmão do 5º ano (e esses chegam a ter mais de 100 páginas). Os pais relataram nas reuniões que as crianças começaram a ler as historinhas em casa para os avós e para os familiares. Tudo isso acontecendo de forma espontânea”, disse a professora, entusiasmada.

De acordo com a Diretora da escola, Gilmara Santana, ao todo mais de 389 crianças tem na instituição, que corresponde do terceiro ao quinto ano e todos participaram do Projeto. “Impressionante a procura das crianças pelos livros, todos da escola quiseram participar, as turmas do primeiro ano A e B com idades entre 5 e 6 anos, estiveram diretamente envolvidas no projeto, conseguimos selecionar uns 30 alunos para certificar, a meta do nosso projeto era para uma leitura de 10 livros durante o semestre mais tivemos alunos que leram entre 20 e 37 livres durante o projeto, uma boa margem para o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), que pode mostrar o quanto esse trabalho alfabetizou melhor as crianças”, enfatizou.

A cerimonia de premiação aconteceu em meio a muita euforia das crianças para receber o título de aluno leitor. Eles receberam os bótom e as carteirinhas além de assinarem os certificados que foram entregues aos pais, como uma tarde de autógrafos. A cerimônia contou também com apresentação dos alunos de uma peça teatral inspirada no livro “A Semente da Verdade”, um conto Folclórico Oriental sobre ética e honestidade da escritora Patrícia Engel Secco.

E na tarde da terça-feira (19), foi realizada a formatura da turma do 5 ano. “Primeira etapa vencida do ensino. Muitas batalhas eles ainda tem para vencer, mas temos a certeza que com esse momento, plantamos a semente do sonho de alçar voos ainda mais altos. Esse é o papel da escola”, concluiu a diretora.