OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

CMEI Paulo Bispo Brás recebe a comunidade para a Festa da Cultura Popular

31 de ago de 2018 - Jornalismo

Uma manhã de alegria muita emoção. Assim foi o início desta sexta-feira (31) para os familiares dos alunos do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Paulo Bispo Brás, localizado no bairro de Nova Brasília de Valéria, no Subúrbio Ferroviário de Salvador, e que compareceram à Festa da Cultura Popular, realizada na unidade de ensino. A ação foi idealizada pela direção da unidade como um momento de celebração dos saberes e culturas populares, bem como uma oportunidade de integração com a comunidade escolar. É isso o que explica a gestora Tânia Cristina Mires. “Penso sempre em fazer um trabalho diferenciado aqui no CMEI. E desta vez, focamos na importância da preservação da nossa cultura, regional e local, para despertar essa conscientização nos nossos pequenos, desde os primeiros anos de vida”, salienta.

O evento teve início à 9h, com a apresentação do coral formado por servidores da Prefeitura de Salvador, que animou os presentes com músicas como Hallelujah, Refazenda de Gilberto Gil, além de outros ritmos pensados para animar as crianças, como forró e o samba.

Em seguida, os alunos, todos devidamente caracterizados, iniciaram as apresentações, ensaiadas num prazo médio de 30 dias. O grupo 1 apresentou uma coreografia simulando a dança do Saci Pererê; o grupo 2 A representou “A história de uma lenda” e o 2 B o “Bumba meu boi”. Já os grupos 3 A e 3 B interpretaram a história de “O cravo e a rosa” enquanto o grupo 4 A representou as “Parlendas e jogos Orais” e o grupo 4 B, “As cantigas de roda das antigas”. Na ocasião, também houve exposição de produtos artesanais feitos pel comunidade e foram oferecidos serviços à comunidade como o Balão de justiça, atendimento do Bolsa Família e da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba).

Carmen França, avó de Emily Abayomi, parabenizou a direção do CMEI e a Prefeitura de Salvador pela iniciativa. “Foi muito bom para todos para união da família, com a escola. Foi uma coisa linda ver a inteligência das crianças em aprender as músicas e coreografias e o mais lindo de tudo: ver a alegria deles em se apresentar. Foi muito bom presenciar este momento e sei que foi importante pra minha neta e para todos que estão aqui”, sinalizou.

Já Marluce Monteiro, mãe de Maria Clara, também aluna da instituição, era só emoção. Sem conter as lágrimas, ela agradeceu ao final do evento, às professoras e auxiliares de desenvolvimento infantil (ADIs), pela dedicação para com as crianças. “Nosso dia a dia não é fácil e saber que nossos filhos estão sendo tratados com carinho enquanto a gente está na labuta, é muito importante. Minha filha está se desenvolvendo muito aqui e vir aqui hoje só me fez confirmar o cuidado que eles tem com ela. Sou muito agradecida a todos aqui”.

“Temos o apoio de toda a comunidade, que chega junto, cola com a gente já que os pais já conhecem o nosso trabalho e quando a gente abre as portas do CMEI, eles tem a oportunidade de ver o que os filhos estão produzindo e essa interação é fundamental, principalmente, para que as crianças percebam que o nosso CMEI acaba sendo uma extensão de suas casas”, finaliza a gestora Tânia Cristina Mires.