pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Com programação especial, Dia Municipal da EJA é celebrado em Salvador

19 de set de 2018 - Jornalismo

19 de setembro de 2018. Nesta data, o patrono da educação brasileira, Paulo Freire, completaria 97 anos e, em Salvador, é celebrado o Dia Municipal da Educação de Jovens e Adultos (EJA). A data foi instituída em decreto publicado no ano de 2015, justamente em homenagem ao pensador que tem contribuições significativas para a educação de jovens e adultos.

O modelo de Paulo Freire é baseado na humanização do ensino e reconhecimento da história e da cultura do aluno que, junto com o professor, vai construindo o processo de aprendizagem. De acordo com a coordenadora de acompanhamento pedagógico da Smed, Olgalice Suzarte, essa premissa serve como base para a EJA de Salvador, que é meio de transformação social na vida dos que não tiveram oportunidade de estudar ou que se viram obrigados a abandonar os estudos na idade ideal. “Trabalhamos numa perspectiva de garantir direitos àqueles que não tiveram acesso à escolarização no período regular. Este ano, conseguimos avançar, trazendo turmas de adolescentes e jovens para o que estamos chamando de “EJA no diurno” e isso vem aumentando o número de matrículas da nossa rede de atendimento à essa modalidade”, destaca.

Para comemorar a data, as escolas da rede municipal que ofertam a educação de jovens e adultos, intensificam as atividades. Na Gerência Regional de Educação de Pirajá (GRE – Pirajá), a programação começou desde o início da semana e se estende até o próximo dia 21, como explica a gerente regional interina Jeane Leal. “Durante esse tempo todas as escolas fizeram atividades direcionadas aos ensinamentos e a leitura de Paulo Freire sobre o mundo. Nesse período, as escolas fazem atividades dentro das unidades, mas no Dia Municipal da EJA haverá um evento maior na sede da GRE Pirajá, no qual estarão presentes educadores e educandos das escolas da nossa gerência que ofertam a EJA noturno”. O evento terá início às 18h30, com oficina, intervenção cultural ‘Sussurros Poéticos’, bate papo ‘Vozes da EJA’ além de apresentação do grupo teatral ‘Contos de Azeviche’, seguido de lançamento do livro ‘As Mulheres Abayomi’, do escritor Adilson Passos, e sorteio de livros.

Já a Gerência Regional de Educação da Liberdade (GRE- Liberdade) realiza atividade também, a partir do mesmo horário na Escola Municipal Simões Filho, com realização de Café com Prosa (com música e lanches para recepcionar os presentes), abertura do evento com as professoras Juçara Rosa e Ivone Portela, seguido de apresentação artística com Luciana Souza (professora da Rede e atriz renomada de cinema e televisão) e apresentação musical.

Além do Dia Municipal da EJA e do aniversário de Paulo Freire, este ano também são celebrados os 50 anos do livro Pedagogia do Oprimido, obra que revolucionou o sistema de ensino de adultos em todo o planeta, como explica a coordenadora de acompanhamento pedagógico da Smed. “A observações de Paulo Freire servem para nortear o nosso olhar sobre a educação de jovens e adultos e hoje, na contemporaneidade, podemos perceber as contribuições significativas que ele fez para esta modalidade, que vão além da perspectiva de melhores condições de vida a partir do conhecimento”.

Irene Sobral tem 25 anos e dois filhos. Ela parou de estudar aos 14 anos, na 4ª série e agora cursa o 5º ano do ensino fundamental na EJA. “Meu objetivo é concluir meu ensino médio, fazer meu curso de direito e dar um futuro melhor para os meus filhos. Vou me dedicar a esse projeto, porque preciso acelerar meus estudos, já que precisei parar de trabalhar porque não tenho quem tome conta dos meninos. Então, estou estudando á noite justamente pensando no nosso futuro, para tentar melhorar a nossa vida”.

Pulo do gato – Entre os projetos que corroboram com o avanço da EJA na Rede Municipal de Salvador é o projeto Pulo do Gato, iniciado em 2015 pela Gerência Regional de Educação de Cajazeiras (GRE Cajazeiras) é um curso preparatório para as provas do Exame Nacional para Certificação de Competência de Jovens e Adultos-Encceja, prova gratuita realizada pelo Ministério da Educação (MEC) para quem busca uma certificação de conclusão do Ensino Médio ou do Ensino Fundamental.

“Quero registrar o esforço da Smed na oferta e ampliação de ações para a EJA, tendo um cuidado total diante das especificidades e um olhar diferenciado para esta modalidade de educação que sempre visa a trazer melhores condições e maior escolarização, tão necessários para a vida dos alunos. Já observamos que no ano passado tivemos um desempenho melhor do que em anos anteriores, com elevado índice de aprovação e frequência desses estudantes no noturno, o que resulta em melhor aproveitamento no processo de alfabetização dos adolescentes, jovens, adultos e idosos que fazem parte do público da EJA de Salvador”, finaliza Olgalice Suzarte.