OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Equipe da Smed e técnicos da Teck4Kids fazem os últimos ajustes para implantação da plataforma digital nas escolas

18 de fev de 2020 - Publicidade

 

 

Na tarde desta segunda-feira (16) técnicos da Teck4Kids visitaram a Escola Municipal Novo Horizonte, GRE- Cabula, para conhecer a unidade e o ambiente em que a plataforma digital “ubbu” vai ser testada pelos alunos. Utilizada em vários países, como Estados Unidos, África do Sul, Espanha e Noruega, a plataforma “ubbu” visa proporcionar o aprendizado de ciências da computação de forma fácil e divertida, através de jogos interativos, vídeos animados e exercícios. A previsão de início das atividades nas escolas da Rede é 3 de março.

No primeiro momento, os técnicos conheceram as salas de aula, verificaram como vão funcionar os tablets, para começar a implantação do projeto, que a princípio será aplicado durante três meses, para 5 mil alunos de 20 unidades escolares municipais. “Quando soubemos que fomos escolhidos, foi uma felicidade, motivo de orgulho e também de uma responsabilidade muito grande, essa iniciativa da Prefeitura em parceria com a Secretaria Municipal da Educação (Smed) promove um empoderamento digital para as crianças da Rede, com certeza vai ser um sucesso”, comemora a diretora, Carla Andrade Vieira.

Durante a visita, os técnicos acompanharam uma breve exibição de um vídeo explicativo para os alunos. A professora Ilana Assis Monteiro, falou da expectativa das crianças para este momento. “As crianças estão bem ansiosas, expliquei que essa plataforma é apenas para jogar e sim para incentivar o raciocínio lógico, se fosse começar hoje, com certeza, teríamos crianças cheias de curiosidade. É um projeto bastante desafiador, acredito que realmente venha para acrescentar”, ressaltou.

Icione Braga, técnica da Teck4Kids, esse experimento de três meses vai ser muito importante para poder realmente incluir os estudantes no mundo do mercado digital, “hoje, uma criança de seis a doze anos já começa a absorver a ciência da computação, a plataforma tem a proposta de incluir os estudantes da Rede Municipal no mercado digital”, disse.

Foto: André Carvalho/PMS/SMED

ALC_2495_17.02_Tech4Kids_Fotos André Carvalho_SMED_PMS (2)
ALC_2495_17.02_Tech4Kids_Fotos André Carvalho_SMED_PMS (11)
ALC_2495_17.02_Tech4Kids_Fotos André Carvalho_SMED_PMS (10)
ALC_2495_17.02_Tech4Kids_Fotos André Carvalho_SMED_PMS (12)