Escola Municipal Álvaro da Franca Rocha promove o III Plantão Pedagógico

10 de set de 2019 - Jornalismo

A Escola Municipal Álvaro da Franca Rocha, localizada na Engomadeira (GRE-Cabula), realizou na quinta-feira (4) o III Plantão Pedagógico, com a participação das famílias e dos alunos – atividade que faz parte das boas práticas realizadas na escola.

A partir da reflexão em torno de alguns questionamentos: Como está o meu filho/a na escola? Como está seu comportamento, seu desenvolvimento? O que posso fazer para ajudar?, foi iniciado o primeiro momento do Plantão.

No primeiro momento, que foi coletivo, realizado no pátio da escola, ocorreu uma conversa sobre questões do dia a dia escolar e que precisam constantemente de sinalização, a exemplo do uso do fardamento, horário de chegada e de saída. Foi explicado sobre o Sistema de Monitoramento da Aprendizagem (SMA), a necessidade de fortalecimento da relação escola-família, em prol da aprendizagem dos alunos, entre outros assuntos.

No segundo momento, os familiares e os alunos foram encaminhados para as salas de aula, onde puderam conversar com os professores especificamente sobre as questões pedagógicas. Houve dinâmicas de integração com os responsáveis e as crianças. Alguns professores passaram vídeos curtos que foram comentados, outros elaboraram cartas com os alunos que foram lidas pelos respectivos responsáveis, sobre o que as crianças querem para o futuro; outro professor preparou uma brincadeira com jogos educativos. Em seguida, foi falado sobre o perfil geral da turma e, por fim, foram entregues os portfólios dos alunos com uma conversa individualizada do professor com o responsável e a criança.

“Este formato de reunião, com os responsáveis e as crianças, já é realizada desde 2013 e o resultado tem sido positivo para aproximar a escola e a família que passa a conhecer mais de perto o trabalho pedagógico desenvolvido, como as atividades, além de envolver todos no processo educativo da criança, inclusive a própria criança”, disse a diretora da escola Silvia Letícia Costa Pereira.

Ela ainda falou sobre o compromisso da escola juntamente com a família. “A escola tem sido o espaço que acolhe, orienta, mas também envolve os familiares, demarcando papéis distintos da família e da escola, que em algum momento do processo se tornam convergentes, com foco na aprendizagem das crianças”.

De acordo com a diretora, existem várias atividades desenvolvidas na unidade circunscritas nas chamadas Boas Práticas. Algumas delas são: gincana de leitura, show de talentos, sala nota 10, aluno destaque, aniversariantes do mês, sarau de leitura, quis, oficina de brinquedos, copinha da Álvaro, feira cultural, entre outras. São ações previstas no plano de ação anual escolar e que tem se revelado instrumentos importantes de articulação das relações, e da aprendizagem dos alunos.

Na ocasião, o secretário municipal da Educação, Bruno Barral, o gerente regional Roberval Dórea (Guru) e equipe, estiveram em visita à unidade com o Projeto Ouvindo Nossa Rede e aproveitaram para fazer parte da reunião, fazendo esse contato com a comunidade escolar e com os pais dos alunos.

“A visita do secretário Bruno Barral e do gerente Regional de Educação do Cabula no mesmo dia de realização desta atividade foi bastante oportuna, pois eles visitaram as salas, conversaram com os pais, mães e alunos presentes, fortalecendo o discurso da escola e o intuito da reunião que é o fortalecimento da relação escola e família”, frisou a diretora.

Os presentes ficaram entusiasmados com as palavras do secretário e aprovaram a iniciativa.