OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Escola Municipal Barbosa Romeo recebe projeto Escola Sem Muros

03 de jun de 2019 - Jornalismo

Na manhã do sábado, (1º), o prefeito ACM Neto participou da inauguração oficial do projeto Escola sem Muros. A ação foi realizada na Escola Municipal Barbosa Romeo, localizada na Rua São Paulo, em São Cristóvão (GRE Itapuã). O evento contou também com as presenças do vice-prefeito Bruno Reis e do secretário municipal da Educação, Bruno Barral, dentre outras autoridades.

Além de acompanhar os serviços de melhoria da infraestrutura da unidade de ensino, como pintura, limpeza e manutenção, o prefeito plantou árvores, visitou as instalações da unidade e inaugurou a quadra poliesportiva, que teve investimento total de R$282.175,55 (cobertura, pintura e equipamentos). Houve também cuidados com o entorno da escola, bem como atividades pedagógicas, palestra sobre Bullying e Cyberbullying e oficinas sobre Resiliência Urbana e Gestão das Emoções.

Em seu discurso, ACM Neto disse que ficou muito impressionado com o clima de integração entre a escola e a comunidade. “Tenho certeza que nunca um prefeito esteve tão presente em um bairro como eu em São Cristovão desde 2013”, afirmou o prefeito. ACM Neto acrescentou que o sucesso da educação não passa apenas pelas pessoas envolvidas no projeto, mas, também, pelo envolvimento da comunidade. “O conceito do Projeto
Escola sem Muros passa pelo convite para que todos os moradores do bairro participem também das atividades esportivas e de lazer”, afirmou.

Bruno Barral destacou o trabalho conjunto e integrado dos diversos órgãos municipais que empenharam esforços para mudar o espaço escolar, tornando-o mais bonito e dinâmico. Ele destacou, ainda, os avanços da Educação em Salvador nos últimos anos. “A Educação é construída em três pilares: acesso, permanência e aprendizagem. E o que vemos em Salvador são ações que fortalecem esses pilares. O Escola sem Muros também cumpre esse papel, principalmente, de promover a permanência, a vontade do aluno de estar nessa escola, de estudar e, consequentemente, de aprender”, frisou.

“Estamos aqui escrevendo uma nova história. Estou feliz e grato por isso”, disse o diretor da unidade, Marlo Lopes, em seu discurso. Ele enalteceu a transformação física da escola. “Alunos, professores e comunidade merecem isso e muito mais”, falou, destacando o poder transformador da Educação. Para ele, o Escola Sem Muros tem a capacidade de promover e fortalecer a sensação de pertencimento nos alunos e na comunidade. “Com isso, a escola se fortalece. Os estudantes, familiares e demais frequentadores da escola sabem que isso é deles e que merece ser cuidado e defendido”.

Professor de música da Rede Municipal há dez anos, o diretor falou de outras iniciativas que promovem a participação da comunidade na Escola Barbosa Romeo. Vários projetos têm sido desenvolvidos com as portas abertas para os moradores da localidade e familiares. Exemplo disso, é a fanfarra, as oficinas de teatro e de percussão, e as aulas de coral.

A artesã Sueli de Souza, mãe do aluno Wesley de Souza Santana, do 8º ano, e conselheira escolar, estava radiante com a transformação do espaço escolar. “Eu sou apaixonada por essa escola. Vim de São Paulo, há oito anos, com a indicação de colocar meus filhos aqui. Essa escola é maravilhosa e está muito melhor, mais linda, com as obras realizadas por esse projeto”, disse. A filha mais velha de Sueli, Ashley de Souza Santana, também foi aluna da Barbosa Romeo. Hoje faz o ensino médio técnico de Eletrotécnica no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA).

Com o Escola Sem Muros, além da quadra coberta, a unidade ganhou uma quadra de vôlei de areia, mesas de pingue-pongue, totó, damas, dominó e de futebol de mesa, tabelas e cestos de basquete. A escola foi toda pintada e gramada. O muro ganhou a criatividade e o colorido da grafitagem de Carlos Ixlutx. O dia foi abrilhantado pelas apresentações da Fanfarra da Escola Municipal Barbosa Romeo, de capoeira, jiu-jitsu, entre outras atrações.

Durante o evento, os moradores do bairro contaram também com atendimento da Defesa Civil, Ouvidoria Geral do Município, Coelba, Defesa do Consumidor, programa Primeiro Passo, bem como de projetos sociais (como Bolsa-Família e Minha Casa, Minha Vida. Serviços médicos, avaliação e orientação nutricional foram outras atividades à disposição da comunidade. Para a criançada, os projetos “Ruas de Lazer”, “Educação Ambiental”, além do plantio de árvores. Grafitagem, apresentações de fanfarra, percussão, voz e violão, capoeira, grupos de dança (adulto e infantil) e coral completaram a programação desse dia especial.

Projeto – Idealizado e coordenado pela Secretaria Municipal da Educação (Smed), o projeto envolve uma série de ações de órgãos públicos municipais, alunos, professores, coordenadores, gestores, funcionários e, principalmente, a comunidade local, com foco na valorização da escola e fortalecimento dos laços com a comunidade, para construir uma consciência de responsabilidade, cuidado e preservação desse bem público.

O Escola sem Muros conta também com o trabalho das secretarias municipais de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra),de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), da Saúde (SMS) e de Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel), além da Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (Desal), Secretaria de Manutenção da Cidade (Seman), Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre),Guarda Civil Municipal, Prefeitura-Bairro, Codesal, Empresa de Limpeza Urbana do Salvador (Limpurb) e Coordenadoria de Proteção e Defesa do Consumidor (Codecon).

Fotos: Max Haack/Secom/PMS