OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Escolas terão telhas de amianto substituídas

05 de jun de 2006 - dev

No Dia Mundial do Meio Ambiente, a Secretaria Municipal da Educação e Cultura (SMEC) lançou o Programa de Substituição das Coberturas de Amianto das Escolas Municipais. O evento foi realizado hoje na Escola Ajuda Social à Criança, no Itaigara.
Inicialmente a troca será por telhas de cerâmica, mas a SMEC, em parceria com a Limpurb, pretende substituir o amianto por coberturas ecológicas.

A iniciativa surgiu após levantamento realizado pela secretaria, que identificou cerca de 120 escolas com telhas de amianto, a principio serão atendidas pelo programa 22 instituições de ensino. De acordo com o secretário municipal de Educação e Cultura, Ney Campello, este tipo de cobertura provoca um desconfortável calor nas salas de aula, interferindo no desempenho das atividades pedagógicas. Ele afirma que a matéria-prima é prejudicial à saúde. “Com este projeto estaremos trazendo conforto ambiental para todos os alunos e professores da rede municipal de ensino”, afirma.

A diretora da Escola Ajuda Social à Criança, Lucia Maria Ribeiro Pereira, que vive o problema do amianto de perto, explica que a temperatura nas salas de aula chega a registrar 38 graus. “À tarde damos aulas debaixo de alguma árvore, porque as crianças não suportam o calor”, ressalta. A Escola é conveniada a Prefeitura Municipal há 25 anos e atende cerca de 100 estudantes.

A aspiração do amianto pode provocar sérios danos à saúde, comprometendo o sistema respiratório. Os sintomas, que podem aparecer depois de 20 a 30 anos após o contato direto são: cansaço, falta de ar, perda de peso e dor no peito. Estudos científicos comprovam que o amianto é uma fibra cancerígena. A assessora Técnica, Clarissa Pacheco, explica que é importante evitar a manipulação direta de telhas de amianto, principalmente quando estão velhas e os resquícios da fibra podem facilmente ser inalados.

História – O amianto, também conhecido como asbesto, é uma fibra mineral natural e sedosa de origem na pré-história. O homem primitivo já conhecia as características do mineral e, ao misturá-lo com argila, obtinha panelas e utensílios mais duráveis e resistentes ao fogo.

A utilização do amianto não se resume apenas ao passado, entretanto, é muito usado até hoje, principalmente na indústria para a fabricação de telhas, caixa d’águas, guarnições de freios para automóveis (lonas e pastilhas) e revestimentos de discos de embreagem.