pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Estudantes extravasam na Sexta da Alegria

18 de abr de 2009 - dev

Cerca de 300 alunos, da Escola Municipal Abrigo do Salvador, participaram da Sexta da Alegria que foi realizada no último dia 17. O projeto é uma ação da Secretaria Municipal da Educação e Cultura (SMEC), através do Programa de Educação Esportiva, e tem como objetivo promover para os estudantes um dia de brincadeiras e muita diversão.

A ação também incentiva a prática de esportes com aulas de dviversas modalidades como vôlei, futebol, basquete e capoeira a fim de que as crianças conheçam e façam das atividades um hábito, contribuindo para o condicionamento físico e mental.

“Está sendo muito satisfatório participar desse projeto porque ele além de tudo está ensinado aos nossos estudantes a brincar e interagir em grupo e isso incentiva muito a amizade ente eles. Definitivamente, esta é uma ação que deu certo, pois eles podem extravasar”, diz a professora do grupo 4, Janine Ribeiro.

Para o estudante de educação física, Hugo Freire, que participa do programa desde o início, o Sexta da Alegria tem somado muito para a sua formação acadêmica porque ele está podendo colocar em prática todo seu aprendizado e ainda adaptar brincadeiras já conhecidas para atender as necessidades das crianças.

Foi o que aconteceu com o Jogo da Velha, modificada pelo “tio Hugo”, que mesclou ludicidade, criatividade e mais ação e participação corporal, substituindo o papel pelo chão e as canetas por bambolês e bexigas. Para ganhar, os meninos e meninas precisam de muita disposição física. “Percebi que eles adoraram a nova versão do jogo porque não é monótono. A animação deles é o que nos motiva a continuar aprimorando as atividades”, conta Freire.

Ainda de acordo com o instrutor, a Sexta da Alegria também é importante, porque eleva a autoestima, ensina valores e dá orientações de comportamento e respeito ao próximo trabalhando sempre o lado cognitivo. “A ação é maravilhosa. O que ensinamos para eles fica para o resto da vida e isso também vale para nós professores que criamos, aplicamos e modificamos de acordo com a resposta dada pelos alunos”, finaliza.