pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Já foram matriculados mais de 130.000 alunos

14 de jan de 2008 - dev

Já estão matriculados 137.239 alunos para o ano letivo de 2008 na rede municipal de ensino. As aulas terão início no dia 18 de fevereiro e a matrícula segue até 17 de janeiro. No dia 18 de janeiro, ocorre o processo de inscrição para a Educação de Jovens e Adultos (EJA). Com relação aos alunos novos, a Secretaria Municipal da Educação e Cultura está disponibilizando 57.072 vagas, desde a Educação Infantil até a 9º série (antiga 8º série).

Desde 2006, o processo de matrícula é totalmente informatizado e os responsáveis gastam, em média, 15 minutos para garantir o ingresso de seus filhos na rede municipal de ensino. Todas as 368 escolas são postos de matrícula on line e os responsáveis pelos alunos podem efetuar a matrícula em qualquer escola da rede municipal. Por exemplo, se um aluno desejar estudar em uma escola em Periperi, o responsável pode realizar a inscrição do seu filho em qualquer uma das unidades da rede de qualquer bairro da cidade.

“Em 95% dos casos, não existe problema de demanda reprimida. A rede tem se expandindo e hoje conta com 368 escolas, distribuídas em 11 Coordenadorias Regionais de Educação (CRE) e 45 creches”, afirma o secretário municipal de Educação e Cultura em Exercício, Cláudio Silva. Devido ao processo de municipalização do Ensino Fundamental no país, o sistema municipal de ensino cresceu bastante nos últimos anos.

Ensino de Nove Anos

E os alunos que ingressam na primeira série do Ensino Fundamental desde 2007 já cursam nove anos nesta etapa de estudos. Salvador se antecipou à Lei 11.114/2005, que determina a implantação do Ensino Fundamental de nove anos em todas as escolas públicas do país até 2010. Já em 2007, ocorreu uma adaptação na rede municipal de Salvador visando atender as crianças de 6 anos de idade. Afinal, a principal mudança é a seguinte: agora os estudantes ingressam no Ensino Fundamental com seis anos de idade.

“Já há algum tempo, os filhos da classe média são alfabetizados aos seis anos de idade. A rede municipal de Salvador se antecipou no cumprimento da legislação federal porque este medida é benéfica para os nossos alunos”, afirmou o secretário municipal de Educação e Cultura em Exercício, Cláudio Silva.