pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Jovens e adultos participam da Aula Inaugural do Proeja Fic

03 de fev de 2010 - dev

Mais de cem estudantes do Segmento da Educação de Jovens e Adultos (SEJA I) participaram, na noite desta segunda-feira (01), da aula inaugural do Curso de Educação Profissional Integrada à Educação de Jovens e Adultos (Proeja Fic). A atividade aconteceu na Escola Municipal Alexandrina Santos Pita, sediada no bairro de Pirajá, que é a pioneira em aplicar o projeto piloto na rede municipal de ensino. O proeja Fic é realizado através da parceria entre a Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secult) e o Instituto Federal da Bahia (IFBA), e vai atender 90 alunos em três turmas com os cursos de Solda e Instalações elétricas.

Durante o encontro os alunos tiveram conhecimento sobre a proposta e a implantação do curso na rede, fortalecendo a parceria entre Secult e IFBA. O projeto propõe a formação profissional junto com a formação básica em ensino fundamental para jovens e adultos. São duas turmas com 30 alunos cada para atuarem como eletricista predial desenvolvendo atividades de instalação e manutenção preventiva e corretiva. Já o curso de Solda será uma única turma com 30 alunos que desenvolverão atividades de soldagem, corte e confecção de peças.

A coordenadora pedagógica da CRE Subúrbio II, professora Márcia Leone, apresentou o projeto alertando que esta é uma oportunidade para diminuir a evasão escolar no município. “Minimizar a evasão escolar é dos principais objetivos do curso. A oportunidade possibilita a melhoria da qualidade de vida, ampliando as possibilidades de inserção dos egressos do curso no mundo do trabalho, através da educação profissional com aulas integradas atrelando o teórico e o prático de forma articulada” afirmou Leone.

O evento reuniu servidores da secult, professores, estudantes, além da presença do pró-reitor do IFBA, Albertino Nascimento. “Pretendemos formar cidadão histórico crítico para auxiliar no desenvolvimento sustentável do país. Nessa parceria potencializamos saberes da escola e do ifba, elevando a capacidade desses alunos” afirmou Albertino.

Os cursos têm duração de três anos e após a conclusão os estudantes recebem certificação, ampliando as chances de atuação profissional que garante a qualificação no mercado de trabalho.

De acordo com Manoel Calazans, coordenador da Cenap, há uma complexidade no EJA a partir do momento em que existe um choque de gerações. Afirmou ainda que os egressos devem aproveitar e acreditar na oportunidade com compromisso. “Prender a atenção de alunos com 18 anos que se misturam com adultos de até mais de 60 anos não é tarefa fácil, por isso os professores são o foco deste processo e associam a teoria com a prática” pontuou Calazans, alertando que aluno com conhecimento corre menos risco de alienação.

Os alunos dos cursos de instalações elétricas, Omar Santana, de 64 anos, e Rita de Cássia da Silva, de 46 anos, afirmaram o interesse em participar do projeto para aprender mais já que é uma oportunidade ímpar e gratuita. “Às vezes em casa a gente precisa trocar uma lâmpada ou uma resistência de chuveiro. Vai valer a pena este curso, tenho essa necessidade e será uma maneira de encontrar um trabalho e ganhar dinheiro” afirmou a mãe Rita de Cássia.

Ao final do encontro professoras da escola realizou a apresentação da peça teatral com o tema Maria, uma adaptação da professora de artes, Isabel Marinho, retratando a vida de mulheres que se encontram na sociedade atual. “Estou convicta que esta experiência servirá de modelo para a rede e que esses alunos sairão soldadores e eletricistas” finalizou Monica Vivas, diretora da Municipal Alexandrina Pita.