pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Prefeito lança projeto cultural para o subúrbio

18 de set de 2006 - dev

Repentistas, coral infantil de escolas municipais, exibição de filmes e performance poética do ator Jackson Costa marcaram na manhã deste domingo o lançamento, pelo prefeito João Henrique, do Projeto Estação Cultura-Domingo no Trem, que consiste em levar todos os domingos apresentações artísticas e culturais aos moradores do Subúrbio Ferroviário. O palco para as apresentações serão os próprios vagões dos trens, que ganharam pintura nova nas laterais, em forma de painéis coloridos feitos pelos artistas de rua, do Grafita Salvador.

Desenvolvido pela Secretaria Municipal da Educação e Cultura (SMEC), Fundação Gregório de Mattos (FGM) e Emtursa, abertura do projeto na Estação da Calçada foi feita pelo prefeito em companhia de secretários, representantes culturais e populares.
Depois o prefeito seguiu viagem em um dos vagões, percorrendo todos os 13,5 quilômetros de trilhos que integram o sistema ferroviário do subúrbio, até Paripe.

Ao longo do trajeto, o prefeito fez algumas paradas, a exemplo da descida na Estação Almeida Brandão, em Plataforma, para inspecionar as obras de recuperação do píer de Plataforma, que integra a travessia marítima Plataforma Ribeira, prevista pra entrar em funcionamento em janeiro de 2007, depois de 20 anos de abandono.

Emocionado com as apresentações artísticas, o prefeito João Henrique disse que o projeto é um banho de coração. Pois é uma atitude que está colocando o coração em primeiro lugar, pelo amor à população que mora no subúrbio. Os trens estavam abandonados há tempos, era mato e lixo para todos os lados, disse o prefeito, anunciando que os velhos trens é coisa do passado, pois a partir de outubro começam a chegar os novos vagões que irão revitalizar todo os sistema. ¿Hoje se vê que não tem lixo na linha do trem. Então, a Prefeitura de Participação Popular passou a tratar com amor, disse.

O desenho dos grafiteiros nos trens foi destacado pelo prefeito como um trabalho de inclusão social. ¿Eram jovens contraventores de rua, espancados, porque não tinham uma oportunidade, foram acolhidos pela Prefeitura e tornaram artistas de rua e não mais contraventores, comemorou. Então, a inclusão social, a cultura com uma programação diferente todos os domingos através do Projeto Estação Cultura de Trem, envolvendo dança, música, poesia, teatro coral e cinema são ações de valorização que queremos para o subúrbio, incluído no desenvolvimento social, cultural e econômico da cidade, declarou João Henrique.

Segundo o secretário em exercício da Educação e Cultura, Weslen Moreira, a programação dominical no trem se soma aos nossos esforços que a educação não se faz apenas em sala de aula. Com esta atividade cultural, a comunidade e os estudantes poderão conhecer a importância do subúrbio para a economia de Salvador”, afirma.