pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Prefeitura homenageia educadoras do município

21 de jul de 2016 - Jornalismo

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher Negra da América Latina e Caribe e Dia Municipal da Mulher Negra, celebrado no dia 25 de julho, a Prefeitura de Salvador promoveu um evento que homenageou 22 mulheres por suas contribuições no âmbito social, intelectual, cultural e político. A honraria foi dedicada as professoras de gestoras da rede municipal que se destacaram pelos trabalhos sociais desenvolvidos nas suas comunidades.

Uma das homenageadas do dia foi a gestora da Escola Municipal Arte e Alegria, situado no Jardim Nova Esperança, que falou da satisfação de ser reconhecida pelo trabalho que realiza. “A minha primeira sensação foi de surpresa, porque eu não esperava que em um universo de muita gente boa, muitas mulheres gestoras, eu fosse escolhida. E a segunda, foi de muita alegria”, conta ela.

Já a educadora Cátia Capinam, da Escola Municipal Santo André, localizada no Vale das Pedrinhas, revelou a atividade que a fez participar da premiação. “Eu desenvolvo um trabalho de fortalecimento da identidade e da ideia de pertencimento dos alunos a partir da literatura infantil, porque eu acho que é uma forma de fazer com que eles construam a sua identidade enquanto afro-brasileiro e como cidadão”, salienta.

A cerimônia foi realizada nesta quarta-feira (20), no auditório do Centro Cultural da Câmara de Vereadores. Ação faz parte do projeto “Elas Fazem a Diferença! Mulheres Negras e suas Comunidades”, promovido pela Secretaria Municipal de Educação (Smed), por meio do Fundo Municipal para o Desenvolvimento Humano e Inclusão Educacional de Mulheres Afrodescendentes (Fiema), em parceria com a Faculdade Maurício de Nassau. Antes da premiação, as homenageadas passaram por uma sessão de beleza.

De acordo com a gestora da Fiema, Rose Rosendo, a iniciativa é um reconhecimento aos gestores e professores da rede que desenvolvem projetos sociais dentro das suas comunidades, fomentando a implantação da lei 10.639. “Este é o terceiro ano que realizamos esta homenagem. Iniciamos com mulheres das comunidades, depois vimos a necessidade de fortalecer as ações dentro da própria rede Municipal de Educação, homenageando os professores do município”, lembrou.

A cerimônia iniciou com uma mesa de abertura, composta pela secretária Municipal de Educação, Joelice Braga, pela vice-prefeita, Célia Sacramento, pela superintendente de Políticas Pública para as Mulheres, Mônica Kalile, a gestora do Fiema, Rose Rosendo, a presidente da Comissão de Direitos da Mulher Câmara Municipal, Aladilce Souza e a diretora da Faculdade Maurício de Nassau, Cecília Queiroz.

Em seguida, o grupo de dança Reis e Rainhas Azeviche, formado por alunos da Escola Consul Schindler, do bairro de São Caetano, se apresentou para o público. A aluna Esmeralda da Silva dedicou a sua apresentação aos seus mestres. “Esta apresentação é para mostrar aos professores que hoje é o dia deles”, disse.

Os mais de 200 convidados que compareceram ao evento puderam conferir ainda a palestra “Mulheres Negras Professoras, suas práticas pedagógicas e a contribuição social deste trabalho”, ministrada pela atriz e professora licenciada em teatro Edvania Carvalho. “Na palestra falo da minha experiência como pessoa, como mulher, como negra que veio da periferia”, explicou.

O encerramento ficou por conta da premiação dedicada as 22 educadoras da rede municipal de ensino. São elas: Aline Maria Santos Ferreira; Ana Beatriz Nascimento Santos; Ana Cristina Rosário Lima; Arielma Galvão dos Santos; Cássia Silva Santos Góes; Cátia Almeida Capinam; Clarice Pereira dos Santos; Conceição Silva dos Santos; Cristina Santos da Mata; Glaucia Aflitos; Gleice Cleia Alves Pinto; Ivone Maria Portela; Jacirema Piedade; Josemar Maria Ro-drigues de Miranda; Kalypsa Kardinaly Souza Brito; Maria Durvalina Cerqueira Santos; Marinalva Gonzaga Estrela; Renilda Ribeiro dos Santos; Rosâmgela Santos Silva; Valdineia Neves de Carvalho Duarte; Vera Lúcia Dos Santos Pinheiro e Zuleide Cordeiro Magalhães. Entre os presentes estavam educadores, alunos e líderes comunitários.