pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Prefeitura incentiva a preservação do patrimônio escolar

19 de jan de 2006 - dev

Pedro Castro Filho e Maira Azevedo

Ainda no primeiro semestre deste ano letivo, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal da Educação e Cultura, implantará o projeto ” Minha Escola é Tudo de Bom, visando incentivar a preservação do patrimônio escolar da rede municipal de ensino. A intenção é desencadear uma cultura de preservação nas comunidades escolares.

Serão realizadas em todas as escolas da rede uma palestra ou oficina sobre a preservação do patrimônio escolar. E para concorrer ao prêmio, as unidades escolares deverão elaborar um plano de trabalho partindo de um diagnóstico sobre suas necessidades e dificuldades para a preservação do patrimônio escolar, assim como as estratégias de divulgação das atividades a serem realizadas em prol dos objetivos de cada projeto.

Será selecionada uma unidade de ensino por cada uma das 11 Coordenações Regionais Escolares (CREs). Elas serão premiadas, cada uma, com R$ 16.000,00, que serão revertidos para a compra de equipamentos.

Esta campanha parte do pressuposto de que a conscientização para manter a integridade do patrimônio escolar é um atitude cidadã que deverá contribuir para a formação do aluno.

Numa rede pública municipal de ensino com 361 unidades, ainda são constatados recorrentes casos de vandalismo. As ocorrências mais freqüentes são fechaduras arrancadas; paredes riscadas; carteiras quebradas e vasos sanitários entupidos. De acordo com a Coordenação de Reestruturação da Rede Física Escolar (CERE) da Secretaria Municipal da Educação e Cultura, além dos atos citados acima, acontecem ações que comprometem, inclusive, o bom funcionamento das unidades de ensino. “Já encontramos escolas que tiveram grandes curtos circuitos devido aos atos de vandalismos de alguns alunos da rede. A nossa preocupação maior é que aconteça algum problema com um deles”, declarou o coordenador da CERE, Ricardo Reis.