OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Prefeitura nomeia profissionais aprovados em concurso público

18 de out de 2011 - dev

A Prefeitura de Salvador nomeou um grupo de professores, agentes de suporte (merendeiros) e coordenadores pedagógicos, em solenidade realizada na Secretaria Municipal de Planejamento, Tecnologia e Gestão (Seplag), na manhã desta terça-feira, 18. Os profissionais fazem parte da primeira lista de 338 profissionais nomeados, no último dia 5, e chegam com a expectativa de contribuir para o trabalho da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secult)

Uma delas é Waleska Oliveira, que recebeu o termo de posse em nome da categoria dos professores, e espera realizar um bom trabalho com os alunos da Escola Antonio Carvalho Guedes, de São Caetano, onde já deu a sua primeira aula, há quatro dias. “Fui muito bem recebida pelos alunos e espero desenvolver a minha proposta, que é a educação para jovens e adultos”, afirma Waleska. Aos 26 anos, moradora do bairro da Liberdade, ela foi a primeira colocada do concurso para a disciplina Língua Portuguesa, e atualmente faz mestrado na Universidade Federal da Bahia.

“Essa é a coroação de uma conquista”, afirmou a agente de suporte Edna Maria da Luz, que representou os merendeiros durante a solenidade e vai reforçar a equipe da Escola Municipal Campinas de Pirajá, Estrada Velha de Campinas. “Espero que a Prefeitura continue investindo, para que possamos realizar o nosso trabalho”, comentou a nova servidora da Secult.

NOMEADOS – No primeiro grupo de nomeados, foram chamados para posse 151 agentes de suporte na área de copa e cozinha (merendeiros), 130 professores e 57 coordenadores pedagógicos. Entre os novos educadores estão 65 professores de educação infantil, 13 de dança, oito de teatro, sete de artes plásticas, sete de língua espanhola, sete de geografia, cinco de língua portuguesa, cinco de música, quatro de ciências naturais, quatro de educação física, dois de história, dois de matemática e um de língua inglesa.

O secretário de Planejamento, Tecnologia e Gestão, Reinaldo Saback, destacou a responsabilidade dos profissionais que estão ingressando na atividade pública, diante das demandas sociais crescentes do Município, e fez um apanhado dos programas oferecidos pela Prefeitura de Salvador aos seus colaboradores.

“A Prefeitura é um lugar de trabalho, e todos nós que estamos no serviço público temos de dar resposta ao cidadão”, afirmou Saback, que representou o prefeito João Henrique na solenidade. Entre as vantagens para os servidores, o secretário citou os incentivos para pós-graduação, graduação, gratificações, dentre outros benefícios concedidos pelo Município através do Programa de Valorização do Servidor (PVS).

“A Prefeitura de Salvador concedeu um reajuste de 19,82% este ano aos professores e coordenadores pedagógicos, o que demonstra o compromisso com os profissionais do magistério”, acrescentou o assessor da Secult, Eliezer Cruz, representante do secretário João Calos Bacelar. “Existem muitos desafios pela frente”, ele admitiu, mas lembrou que a missão dos novos servidores é altamente gratificante, por propiciar a condição de servir ao interesse público e contribuir para a melhoria social, através da educação.

Os agentes de suporte chegam com a tarefa de apoiar o programa de alimentação dos alunos, sobretudo nas escolas situadas em áreas de vulnerabilidade social, diz Eliezer. Já os coordenadores vão auxiliar os professores no planejamento pedagógico voltado à melhoria do aprendizado, enquanto os professores terão a responsabilidade de elevar o nível da educação básica.

O concurso para a Secult foi realizado em outubro de 2010 e homologado em janeiro deste ano, com previsão de preencher 2.125 vagas nas unidades de educação municipal. Do total de vagas abertas, 1.625 destinam-se a professores, 300 aos agentes de suporte e 200 a coordenadores pedagógicos. As convocações começaram em março e, desde então, já foram chamados para realizar exame médico e avaliação psicológica um total de 1.429 habilitados.