pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Programa de Educação Esportiva

07 de abr de 2008 - dev

O crescimento do Programa de Educação Esportiva, da Secretaria Municipal de Educação, foi destacado no lançamento do calendário esportivo da SMEC para este ano. A professora Ivone Portela elogiou o trabalho da equipe da coordenação e fez questão de enfatizar os números que mostram a importância do projeto.

Quando o programa foi iniciado, durante a administração do prefeito João Henrique, participaram apenas 27 escolas. Em 2006 este número aumentou para 54 e em 2007 foram 70 estabelecimentos. Quanto à participação de alunos, o salto foi ainda maior: saiu de 2.450 no primeiro ano para 16.243 no ano passado. “Isso mostra que atingimos nosso grande objetivo que é a inclusão social através do esporte, porque, além dos alunos envolvidos, tivemos 97.913 jovens participando diretamente em todas as nossas escolas”, disse Ivone toda orgulhosa.

O secretário de Educação, Carlos Soares, que presidiu a solenidade de lançamento, ficou feliz com os números. Ele disse que assumiu o cargo no mês passado, mas estava muito contente com o trabalho da equipe da coordenação de Educação Esportiva e prometeu todo apoio necessário para a ampliação do programa. “Temos que continuar a usar o esporte como ferramenta de educação e inclusão social. Atendemos a uma comunidade carente e através da atividade esportiva podemos inclusive deslumbrar um futuro melhor para esses jovens. Vamos ampliar o projeto ainda mais”.

Também participaram da solenidade o vereador Silvoney Sales; Weslen Moreira, coordenador de esportes da Setre, Reginaldo Sacramento, gerente de fomento da Sudesb; Francisco Costa, coordenador do curso de educação física da Facdelta; Roberto Ferreira, da Federação Bahiana de Futebol; e Gilson Trindade, ex-atleta olímpico durante 15 anos, integrante da Seleção Brasileira de Basquete.

Gilson falou de sua experiência e mostrou como o esporte foi importante na sua vida. Ele disse que estudou em escolas públicas na região da Liberdade, onde começou a praticar o esporte. Depois foi para o Itapagipe, a seguir para o Flamengo, o São Paulo, se mudando então para os Estados U-nidos, onde conseguiu fazer dois cursos universitários e disputar três olimpíadas. “Cheguei à Seleção Brasileira principal com apenas 17 anos. Joguei em todo o mundo representando meu país. Este programa é importante porque pode revelar grandes talentos para o esporte nacional, mas as autoridades precisam fazer muito mais”.

Início – A coordenação de Educação Esportiva da Secretaria Municipal de Educação nasceu com o intuito de difundir a prática da Educação Física e do desporto escolar em toda a rede municipal. Atualmente, durante o ano, acontecem duas grandes competições oficiais envolvendo alunos do município. Além disso, tem o festival de capoeira e toda a rede de ensino está praticando xadrez e outros jogos de salão, como pingue-pongue e totó. No ano passado, foram criados ainda núcleos de GRD e este ano serão implantados os de karatê e judô.

Os Jogos Escolares do Município serão iniciados no mês de maio e já estão com inscrições abertas até o dia 17. A competição envolve alunos em disputas de vôlei, futsal, handebol, atletismo, natação, capoeira, xadrez e GRD.

Este ano, a coordenação de esportes da SMEC vai promover também o Festival de Capoeira das Escolas Municipais, Torneio de Xadrez, Torneio de Jogos de Salão, Festival de GRD, Festival de Ginástica Artística, Jogos Estudantis da Ilha e Desfile da Primavera.

O professor Acursio Esteves, integrante da equipe da SMEC, disse que o esporte vem sendo utilizado nas escolas como embrião neste processo de inclusão social. Ele lembrou que em março foi iniciado o Projeto Sexta da Alegria, que leva atividades recreativas para escolas do 1º ao 4º ano, nas quais não existem professores de Educação Física, e já beneficiou mais de 1.800 anos. O secretário Carlos Soares reafirmou que o objetivo é fazer um trabalho de implantação de iniciação esportiva em todas as escolas, beneficiando todo o alunado.

O CALENDÁRIO

Março: implantação da Sexta da Alegre, já em andamento.
Abril: divulgação do calendário e implantação dos núcleos de judô nas escolas municipais.
Maio: primeira etapa dos Jogos Estudantis municipais e participação no Torneio Integração de GRD (Tapete Mágico).
Junho: Troféu Municipal de Atletismo, implantação dos núcleos de karatê, olimpíada municipal dos núcleos do Programa Segundo Tempo.
Julho: participação dos alunos da rede municipal nos Jogos escolares do Estado da Bahia.
Agosto: I Festival Municipal de Bola de Gude, III Torneio Municipal de Xadrez, II Torneio de Jogos de Salão e III Festival de Capoeira.
Setembro: II Jogos Estudantis Soteropolitano das Ilhas, II Festival Municipal de Ginástica Ritmica e Artística, Seminário Nacional da Caravana do Esporte, I Festival de Judô e I Festival de Karatê.
Outubro: I Festival de Rugby, segunda etapa dos Jogos Escolares Municipais, Troféu Municipal de Natação e Desfile da Primavera.