pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Programa Segundo Tempo será Implantado em Salvador

17 de mar de 2005 - dev

No dia 18 de março o ministro do Esporte, Agnelo Queiroz, esteve em Salvador para assinar um convênio com a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Educação, para a implantação na cidade do Programa Segundo Tempo em unidades da rede municipal de ensino. O Segundo Tempo é um programa destinado a possibilitar o acesso à prática esportiva aos alunos matriculados no ensino fundamental e médio dos estabelecimentos públicos de educação do Brasil, principalmente em áreas de vulnerabilidade social. Através do Programa, serão implantados núcleos esportivos vinculados a escolas públicas que terão a tarefa de distribuir material esportivo e didático especializado; capacitação de coordenadores e estagiários de educação física e a contratação de monitores-agentes comunitários de esporte e reforço escolar. Serão mais de 7,6 mil estudantes contemplados em 31 escolas municipais, que terão acesso à prática esportiva, ao reforço escolar e alimentar e material esportivo. Até o final de abril começará a capacitação dos monitores do Programa nas unidades escolares e ainda no segundo semestre deste ano o Programa Segundo Tempo estará implantado em Salvador. O evento contou com a presença do prefeito João Henrique, da secretária municipal de Educação, Olívia Santana, e do campeão Acelino “Popó” Freitas.

Na ocasião, o ministro do Esporte, Agnelo Queiroz, entregou no Centro de Aperfeiçoamento Pedagógico (CAPS) da Secretaria Municipal de Educação, cerca de 4.500 itens esportivos, entre bandeiras e bolas de cinco modalidades, para 148 escolas públicas de Salvador (BA). O material vai beneficiar cerca de 88.800 estudantes da rede municipal de ensino. A solenidade de entrega do material esportivo será realizada no Centro de Aperfeiçoamento Pedagógico da Secretaria Municipal de Educação, localizado na Rua Rio Grande do Sul, na Pituba. O material esportivo a ser entregue foi confeccionado por detentos através do Programa Pintando a Liberdade. Trata-se de um projeto do Ministério do Esporte em parceria com o Ministério da Justiça que mantém atualmente 53 unidades de produção em 25 Estados e no Distrito Federal e emprega mão-de-obra direta de 12.700 detentos. Para cada três dias trabalhados, o preso tem descontado um dia em sua pena.