pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Projeto que leva cultura da capoeira para escolas atende mais de mil alunos municipais

20 de dez de 2016 - Jornalismo

Cerca de mil crianças de escolas da rede municipal de Salvador estão sendo atendidas pelo projeto “Ginga De Peito Aberto”, que oferece aulas gratuitas de capoeira nas escolas Francisco Leite (Águas Claras), Arlete Magalhães (Castelo Branco), Instituto Municipal de Educação José Arapiraca – Imeja (Boca do Rio) e na Escola Laboratório (Escolab) Cid Passos (Coutos). O projeto atende alunos de 7 a 17 anos que estejam devidamente matriculados na rede de ensino. Com duração de um ano, o projeto “Ginga De Peito Aberto” é realizado através da Lei Rouanet, com o patrocínio da Cielo e Cateno, em parceria com a Secretaria Municipal da Educação (Smed) e a gestão da organização De Peito Aberto Incentivo ao Esporte, Cultura e Lazer.

O projeto garante aos beneficiados todo material para a prática da atividade, como calça, camisa, sandálias, berimbaus, atabaques e pandeiros, além de contratar coordenadores, professores e auxiliares para o ensinamento da didática educacional e pedagógica, que está alinhada com a transformação socioeducacional. “O projeto tem como objetivo trabalhar o indivíduo no meio coletivo, incentivando o respeito e o diálogo; gerar reflexão da importância da prática e da preservação da capoeira e das danças afro-brasileiras; valorizar o ensinamento lúdico e difundir esta manifestação cultural mundialmente conhecida, tendo como público-alvo jovens em situação de vulnerabilidade social”, afirma Ricardo Santana, coordenador técnico do projeto.

Capoeira e educação

O projeto “Ginga De Peito Aberto” também visa utilizar a capoeira como ferramenta educacional, sintonizada com o moderno debate da interdisciplinaridade, uma vez que essa expressão cultural atua nos campos da arte, da música, da dança e da história, se encaixando em muitos dos temas transversais.

“Atualmente, a capoeira está presente em 150 países, contudo, sua prática entre os mais jovens está aquém da sua importância, principalmente entre os que estão em situação de vulnerabilidade social. Devido a isso, o projeto “Ginga De Peito Aberto” busca firmar-se como uma iniciativa de preservação desta modalidade cultural tão rica e importante para a memória brasileira, especialmente para Salvador”, destaca Hagmar Madeira, presidente da organização De Peito Aberto.

projeto-ginga-de-peito-aberto-1