pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Salvador ganha Escola Municipal Hospitalar Irmã Dulce

02 de out de 2015 - Jornalismo

Mais uma unidade escolar foi inaugurada pela Prefeitura nesta quinta-feira (1º). Desta vez com uma configuração inédita: a instituição funciona em diversos ambientes, atendendo a alunos que estão impossibilitados de frequentar uma escola tradicional por questões médicas. A Escola Municipal Hospitalar e Domiciliar Irmã Dulce, pioneira no país, é fruto do projeto Classes Hospitalares, promovido desde 2001 pela Secretaria Municipal da Educação (Smed) em 16 instituições de saúde e casas de apoio, além de 18 domicílios. A cerimônia foi realizada nas Obras Assistenciais Irmã Dulce (Osid), no Largo de Roma, e contou com as presenças do prefeito ACM Neto; do secretário da Smed, Guilherme Bellintani; da presidente da Osid, Maria Rita Lopes Pontes; demais autoridades e corpo docente da escola.

Emocionado, o prefeito ACM Neto ressaltou que esta é a concretização de um sonho de cerca de 2 mil crianças atendidas pelo projeto transformado em escola. “Todos os anos essas crianças dependem do tratamento hospitalar e que conseguem, com educação, renovar a esperança na vida. Vivemos aqui hoje um momento singular ao ouvir o depoimento das crianças e ver o quanto esse ensino hospitalar toca o coração das crianças. Essa é uma forma de garantir que essas crianças possam ter suas vidas preservadas com educação, música e atividades pedagógicas. Com a existência da escola, nenhum outro gestor vai comprometer mais a existência desse projeto, que se torna agora permanente”, explicou.

O secretário Guilherme Bellintani relatou que as crianças que participam das aulas em ambiente hospitalar, já iniciadas no processo de escolarização, são indicadas pelas coordenações pedagógicas das escolas, em conjunto com as coordenações de saúde dos hospitais, desde que tenham condições de acompanhar as aulas nesses ambientes e durante o período do tratamento. Já a unidade escolar possui uma sede administrativa em Amaralina e as aulas acontecem nos hospitais e instituições conveniadas, além de 18 residências de alunos com dificuldade de locomoção. Os 47 professores da agora escola participam de capacitação e acompanhamento na sede, além da atuação nos locais. “A nossa intenção é ampliar ainda mais essa atuação no próximo ano, com a participação de mais instituições”, pontuou.

Foto: Betto Jr. Ag. Haack