pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Salvador sedia campeonato de windsurf de 11 a 14 de outubro

08 de out de 2012 - dev

Pela primeira vez, Salvador sediará o Campeonato Sulamericano de Windsurf, esporte sobre as águas que tem multiplicado adeptos na Bahia. De 11 a 14 de outubro, cerca de 80 atletas brasileiros e de países como Chile, Peru, Argentina, Venezuela, vão disputar o título de melhor da América do Sul nas águas da Baía de Todos-os-Santos, colorindo o Porto da Barra com suas pranchas e velas.

A abertura do evento – realizado pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secult), em parceria com a academia de windsurf Axé Wind – será nesta quinta-feira (11), às 10 horas, no Porto da Barra, com a presença do prefeito João Henrique, do titular da Secult, João Carlos Bacelar, e do secretário Estadual de Turismo, Domingos Leonelli.

Para Bacelar, é muito importante o incentivo ao esporte. “O windsurf já foi um esporte muito popular no estado e no que depender de incentivo da Secult, voltará a ser. Além da realização de eventos nacionais e internacionais como o campeonato sulamericano, estamos desenvolvendo um projeto para criação de escolinhas de windsurf para alunos das ilhas de Salvador e que deve ser colocado em prática já no próximo ano”, comemorou o secretário.

A principal classe do torneio será a Fórmula Experience, que terá como grande estrela e um dos favoritos ao título o atual tricampeão mundial e sulamericano, Nicolas Schreier, do Peru. Mas o Brasil estará bem representado e também conta com seus favoritos como o atual campeão brasileiro Marcelo Marrone, Paulo dos Reis, mais conhecido como “Paulão”, Fernando Bocciarelli, Leonardo Venturin Filho, dentre outros.

A delegação baiana conta com 25 atletas. Ao mesmo tempo, acontecerá no sábado (13), o campeonato baiano de stund up paddle (remo em pé), também no Porto da Barra. “O interesse pelo esporte sobre as águas está crescendo na Bahia, que será palco de um evento de grande importância do windsurf, uma oportunidade que pode torná-la uma forte potência para o esporte”, comemora Alexandre Lessa, sócio da Axé Wind. Lessa anuncia também que Salvador foi a escolhida para sediar o mundial no próximo ano.