OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Salvador terá Ensino Fundamental de Nove anos em 2007

06 de dez de 2006 - dev

A partir do próximo ano, Salvador se antecipa à Lei 11.114/2005, que determina a implantação do Ensino Fundamental de nove anos em todas as escolas públicas do país até 2010. Já em 2007, as 364 unidades de ensino do município serão adaptadas, a fim de atender às crianças de 6 anos de idade. Foi para discutir esta ampliação no Ensino Fundamental que a Secretaria Municipal da Educação e Cultura (SMEC) realizou, no dia 06, no Centro de Aperfeiçoamento Profissional, na Pituba, o Seminário de Implantação do Ensino Fundamental de Nove Anos.

A abertura do seminário foi realizada pelo secretário municipal da Educação e Cultura, Ney Campello, secretário de Relações Internacionais, Leonel Leal Neto, coordenadora da Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI), Rosália Guedes, deputado Álvaro Gomes, e as coordenadoras da SMEC, Cristina Santana e Gedalva da Paz. Foram palestrantes, Ester Calland (diretora-geral da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer do Recife) e Ana Vitar (Consultora do Observatório de Educação da Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, Ciência e Cultura).

Segundo o secretário Ney Campello, atualmente a maioria das crianças entra na 1ª série do Ensino Fundamental com 7 anos de idade sem estar alfabetizada, dificultando o trabalho do professor que, além de ensinar os assuntos referentes ao ciclo educacional, irá se preocupar em alfabetizar aquele aluno, que não terá um bom desempenho escolar. “Quando o aluno chega na escola aos 7 anos sem estar alfabetizado sente dificuldades em acompanhar o aprendizado e a partir daí começa a repetir a série ou abandona a escola. Queremos acabar com esta realidade, oferecendo aos nossos estudantes um ano a mais de estudo e com mais qualidade, porque não queremos apenas cumprir a lei, mas oferecer um ensino de qualidade”, ressalta.

Campello explica que o principal objetivo da legislação é a permanência de tempo de escolaridade, que resulta em melhoria no aprendizado. Essa melhoria se verifica, por exemplo, em paises como Argentina e Estados Unidos, onde os estudantes têm permanência média na escola, respectivamente, de 9 e 12 anos. Nestes paises, a evasão escolar chega apenas a 2%, enquanto no Brasil a taxa de escolaridade média é 4,9 anos e a evasão de quase 20% na rede pública de ensino. Em 2006, em Salvador, a evasão caiu para 13,9%. Em 2005, a taxa de evasão na capital baiana era de 15%.

A cidade de Recife (PE) implantou o ensino de 9 anos, em 2001, quando o Plano Nacional de Educação Fundamental entrou em vigor. Atualmente, 82% das escolas públicas da capital pernambucana possuem o Ensino Fundamental de 9 anos. De acordo com a diretora-geral da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer de Recife, Ester Calland, a implantação do ensino tem trazido excelentes resultados à cidade. Ela explica que no início houve resistência nas escolas porque não sabiam como trabalhar com as crianças de 6 anos. Devido a esta realidade, os professores e gestores passaram a participar de formação continuada, que facilitou o contato e o ensino.