pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Samu nas Escolas capacita três mil alunos municipais

12 de mar de 2010 - dev

A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Salvador ganhou o reforço de milhares de alunos da rede municipal de ensino. O apoio veio por meio da capacitação de três mil estudantes na 1ª etapa projeto Samu nas Escolas, realizado em 25 instituições municipais no ano de 2009.

Para celebrar o êxito da primeira etapa do projeto, que é uma iniciativa da Secretaria Municipal da Saúde, em parceria com a Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secult), uma cerimônia foi realizada na manhã de hoje (12), no auditório do anexo da Secult, com a presença do secretário da Educação, Carlos Soares, de coordenadores e integrantes do Samu, além de professores, gestores e coordenadores pedagógicos da Secult.

Salvador é a primeira cidade do país a levar o Samu para as escolas e o resultado não podia ser outro senão o sucesso. “O Samu nas Escolas é um sonho concretizado”, disse uma das coordenadoras do projeto, Adelaide Fonseca. “A gente abraçou esse projeto pioneiro e fomos muito bem recebidos pelo prefeito João Henrique, que nos dá todo apoio e torna esse sonho realidade. E nós não vamos parar por aqui”, completou Adelaide Fonseca, também coordenadora do projeto.

O sucesso do Samu nas Escolas também foi comemorado pelo coordenador pedagógico da Secult, Manoel Calazans, e pelo coordenador geral do Samu em Salvador, Ivan Paiva. “Ficamos felizes que o Samu perceba a escola como instrumento de melhoria da sociedade. O projeto veio pelo caminho certo e a rede está sempre pronta para acolher projetos como este, que agregam valor e potencializam o aprendizado”, disse Calazans.

“São quase cinco anos de Samu, e, além de todas as nossas dificuldades cotidianas, ainda tínhamos que lidar com os trotes. Então, ao invés de gastarmos dinheiro com publicidade, resolvermos investir na população, em educação”, ressaltou Paiva, acrescentando que a partir de maio, novas escolas serão contempladas com o projeto, e em agosto o Samu nas Escolas volta a ter contato com os alunos já capacitados para uma requalificação.

“Fico feliz de ver toda essa mobilização porque acredito que as coisas têm é que acontecer na escola. Agradeço a equipe do Samu por terem doado seu tempo aos nossos alunos. O resultado pode não ser imediato, como foi dito aqui, mas com certeza ele virá e trará frutos muito positivos. Nossos alunos serão multiplicadores entre familiares, amigos e toda sociedade”, comemorou Carlos Soares.

Samu nas Escolas – O projeto SAMU nas Escolas é uma realização da Secretaria Municipal da Saúde em parceria com a Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Esporte e Lazer. A ação tem o objetivo de conscientizar os alunos do 8º e 9º ano da rede municipal de ensino sobre a importância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, além de capacitar os jovens para manobras de suporte básico de vida.

O projeto conta com a participação de instrutores do SAMU, UFBA e Faculdade Baiana. Durante o curso os instrutores passam um vídeo e explicam o prejuízo que um trote pode trazer para comunidade. A central do serviço móvel recebe aproximadamente 5 mil ligações por dia, sendo que pelo menos metade delas é trote.

Dentre os assuntos abordados, os alunos têm a oportunidade de aprender na prática manobras de Ressucitação Cardiopulmonar (RCP). Cada participante recebe um boneco específico para este tipo de aula e os alunos são instruídos como proceder ao encontrar uma pessoa desmaiada.