pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Secretário de Educação e Cultura inaugurará Centro Cultural Odé Kayodê

29 de fev de 2008 - dev

O Terreiro Ilê Axé Opô Afonjá, sediado no bairro de São Gonçalo do Retiro, um dos terreiros mais conhecidos do Brasil e tombado pelo IPHAN, será também um multiplicador de ensino de atividades extra-escolares. Hoje (29), o secretário municipal de Educação e Cultura em Exercício, Cláudio Silva, a presidente da Fundação Cidade Mãe, Iara Souza, e Mãe Stella de Oxossi firmaram uma parceria através da qual será inaugurado, em quinze dias, um centro municipal e arte e educação no terreiro, denominado Centro Cultural Odé Kayodê.

O espaço terá aulas de dança, teatro, poesia e literatura, além de ser palco de ações de educação ambiental, trazendo benefícios para os alunos da Escola Eugenia Anna dos Santos, localizada no terreiro, e para outras 5 escolas municipais localizadas próximas ao terreiro, além de beneficiar a comunidade de São Gonçalo do Retiro. “Nosso desejo é que o centro seja um modelo de trabalho, promovendo aqui uma ação de excelência”, declarou o secretário.

Essa ação, visa valorizar o terreiro como um ponto histórico e aproveitar para utilizar o seu espaço físico para as atividades. O prédio onde o centro vai funcionar já existia no local desde 2005 e não tinha nenhuma utilidade, agora vai abrigar as atividades que venham a complementar e qualificar os estudantes focando o ensino interdisciplinar da Cultura Afro Brasileira e Africana. “Iremos realizar um sonho de Mãe Stella”, afirmou Iara Souza, presidente da Fundação Cidade Mãe.

Além da inauguração do centro de artes, o SMEC vai disponibilizar também a fim de enriquecer o acervo da biblioteca da escola, 40 maletas com títulos de livros do autor Ziraldo e também 60 livros de Educação Ambiental, buscando sempre valorizar a leitura. “Ficamos felizes em saber que vamos poder ajudar as crianças da escola e da comunidade a sair da ociosidade nos turnos em que não estão tendo aula, o que também nos ajuda a diminuir da evasão escolar, pois o centro, a biblioteca e os laboratórios de informática estarão em plena atividade, tornando a escola mais atrativa para os alunos”, afirma a diretora da escola, Ana Lice Mendes.

“Agradeço o apoio do secretario, pois esse terreiro e a escola têm muita riqueza para oferecer a esta comunidade que tanto necessita disto”, afirmou Mãe Stella. Em 2010, o Terreiro Ilê Axé Opô Afonjá completa 100 anos de existência.