pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Secretário de Educação visita alunos hospitalizados

06 de jun de 2008 - dev

Na manhã de quarta-feira (4), o secretário municipal de Educação e Cultura, Carlos Soares, visitou as Classes Hospitalares do Instituto Criança Viva, nos Hospitais Couto Maia e Ana Nery. O programa é voltado a atender as necessidades do desenvolvimento cognitivo de crianças, jovens e adultos que estejam hospitalizados e impossibilitados de freqüentar a escola.

O Programa Escola Hospitalar e Atendimento Domiciliar Criança Viva propõe a criação de escolas regulares em hospitais públicos do município de Salvador. No total são 35 professores envolvidos no projeto para atender crianças e adolescentes hospitalizados, a fim de que não tenham o ano letivo prejudicado.

A ação se adequa às diretrizes da Secretaria Municipal da Educação e Cultura (SMEC), que já vem desenvolvendo uma proposta de educação inclusiva, tendo como meta garantir a democratização de ensino, independente das particularidades dos alunos, garantindo o direito à educação para todos os cidadãos.

Para o secretário Carlos Soares, o Criança Viva é um dos programas mais especiais do município, porque resgata a auto-estima das crianças e adolescentes hospitalizados, contribuindo para sua formação e recuperação. “Temos como propósito garantir a escolaridade dos alunos-pacientes. Desejamos que o Programa permaneça e se fortaleça cada vez mais”, ressaltou..

Os projetos pedagógicos nas escolas hospitalares são desenvolvidos através de vivências que estimulem a construção de imagens intuitivas e sentimentos, percebendo o valor e o sentido das emoções, a capacidade de encadeamentos lógicos de raciocínio e de se relacionar com o mundo através das percepções e do imaginário, percorrendo as diversas áreas do conhecimento, relacionando-as aos conteúdos programáticos de acordo com a faixa etária e grau de escolaridade dos alunos.

Para a coordenadora de hemodiálise do Hospital Ana Nery, Fátima Gesteira, a implantação do programa no hospital tem contribuído muito para a evolução dos quadros clínicos dos pacientes, pois além dos conhecimentos acadêmicos, os alunos também aprendem sobre as suas respectivas patologias, facilitando o tratamento.

O programa foi implantado em 14 centros hospitalares e domiciliares de Salvador: Santa Izabel, nas unidades de Onco-Hematologia Pediátrica Erik Loeff e de Cardiopatia; Roberto Santos; Ana Nery; Martagão Gesteira; Eládio Lasfierre; Couto Maia; João Batista Caribé; Centro de Apoio Pediátrico Professor Hosanah de Oliveira; GACC; CAASAH; Casa de Saúde Erik Loeff; Casa de Apoio à Criança Cardiopata; e Creche Conceição Macedo.