OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Secult capacita 30 mulheres em barista

09 de Maio de 2011 - dev

As 30 mulheres que serão capacitadas em baristas pelo projeto Café com Identidade, promovido pela Secretaria Municipal da Educação, Esporte, Cultura e Lazer (Secult), através do Fundo Municipal para o Desenvolvimento Humano e Inclusão Educacional de Mulheres Afrodescendentes (Fiema), participaram na manhã desta segunda-feira (09) da aula inaugural do curso, no Café Portela, Rio Vermelho.

O objetivo do curso é capacitar mulheres nas técnicas de extração de café expresso, tornando-as baristas – profissão que surgiu na Itália, especializando os trabalhadores em preparo à base de café com domínio na cadeia produtiva, elevando a bebida à categoria de nobreza.

As aulas serão ministradas pelo barista, gerente de uma cafeteria e consultor, Fernando Santos, que tem nove anos de experiência no ramo e há cinco ministra aulas. Segundo ele, o mercado de café é o que mais cresce em relação aos outros estados, mas a carência de profissionais também é grande.

“Nos últimos quatro anos o movimento cafeeiro entrou em ascensão, juntamente com as redes de café e cafeteria e essa expansão resultou na falta de mão de obra”, explica.

Atualmente a Bahia é a 4ª maior produtora de café de qualidade, produzindo café das espécies arábica e robusta. O curso acontece até o dia 27 de maio e tem carga horária de 40 horas. As aulas são oferecidas para 30 mulheres afrodescendentes, mães de alunos da Rede Municipal de Ensino.

CAPACITAÇÃO – As alunas vão aprender um pouco de produção, história e origem do café, máquina de café e sobre a profissão e os métodos de extração, além da iniciação em Latte Art – figuras feitas na superfície de bebidas feitas a base de café expresso.

Ao término do curso, as alunas serão submetidas a provas prática e teórica e as que mais se destacarem serão inseridas no mercado de trabalho. Só serão certificadas as alunas que tiverem 100% de presença e média mínima de seis pontos. Os certificados serão entregue no dia 27 de maio, na sede do Fiema, na Calçada.