OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

OUTUBRO ROSA: PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

SMEC implanta Coleta Seletiva nas escolas da rede

20 de jun de 2006 - dev

A Secretaria Municipal da Educação e Cultural (SMEC), em parceria com a Limpurb, realizou o lançamento do Projeto de Coleta Seletiva de Lixo nas Escolas. O evento ocorreu no dia 21 de junho, às 14h, no Centro de Aperfeiçoamento Pedagógico da SMEC (CAPS), na Pituba.

Na oportunidade, a Limpurb promoveu uma exposição com objetos de decoração produzidos com materiais reciclados. O órgão irá distribuir para as escolas sacos para coleta e caixas coletoras feitas com orelhões danificados. Outra mostra foi realizada pela Escola Municipal Irmã Elisa Maria, onde os estudantes apresentaram brinquedos feitos com garrafas Peti.

De acordo com o diretor de operações da Limpurb, Paulo Ruschi, os materiais coletados nas escolas municipais serão doados para cooperativas de reciclagem.

Segundo o subsecretário municipal da Educação e Cultura, Weslen Moreira, o objetivo é educar e conscientizar professores e estudantes de como reutilizar o lixo, como manejar adequadamente os resíduos sólidos. “A atuação dos professores é essencial, na medida em que seus alunos se tornem multiplicadores em suas casas, ensinando aos seus colegas e amigos a maneira correta de separar os resíduos sólidos, preservando assim o meio ambiente”, afirmou o subsecretário.

A SMEC também promove, a partir de 08 de julho, o curso de formação continuada para todos os docentes da rede municipal.

O superintendente municipal do Meio Ambiente, Juliano Matos, também enfatizou a importância da educação ambiental. Ele explicou que um lixo jogado em locais impróprios, não apenas suja as ruas, mas provoca alagamentos. “O planeta já tem vários problemas ambientais, como o efeito estufa, que provoca o aquecimento global e o derretimento das calotas polares e de geleiras. Por este motivo, precisamos educar as crianças e os adolescentes”, ressaltou.